quinta-feira, 29 de março de 2018


O título não está errado, muito menos você leu errado. A pastora Sarah Sheeva usou as redes sociais para anunciar algo "inédito" para o mundo gospel e muito polêmico, ela quer ensinar as mulheres a "deixarem de ser cachorra" e se "tornar uma princesa".

Sarah Sheeva promove um culto em sua igreja chamado de "Culto das Princesas", e se orgulha em dizer que está há 10 anos sem sexo, anunciou algo bastante polêmico em sua conta no Instagram.

Na postagem ela enfatiza que o culto é somente para mulheres, sendo proibida a entrada de homens e meninos acima dos 2 anos de idade, sendo um culto restrito somente para as que ainda não são casadas. "Vamos aprender mais sobre como deixar de ser ‘cachorra’ e se tornar princesa! Vou rasgar o verbo lá! Vamos rir, chorar, conversar e adorar muito a Deus!", escreveu a pastora.


Minha alegria não é porque tudo me vai bem, minha alegria é sobrenatural! Ela vem do Senhor para dentro de mim! #ComoÉbomPertencerAEle #EuSouPrincesa #FilhaDoReiDoUniverso ............................................................. Dia 12 de Abril recomeça a campanha #CultoDasPrincesasRioDeJaneiro! Será 1 aula toda quarta-feira às 19:30h (12 quartas-feiras totais) somente para mulheres que ainda não são casadas. No final abrirei para responder perguntas. Vamos aprender mais sobre como deixar de ser "cachorra" e se tornar Princesa! Vou rasgar o verbo lá! 😃 Vamos rir, chorar, conversar, e adorar muito a Deus! E lembrem-se: é proibida a entrada de homens (e meninos acima de 2 anos). Peço que não façam caravanas, pois o espaço onde será realizada ainda não é grande. A entrada é franca! Não haverá inscrição por enquanto. Vai ser tremendo! Sigam o Instagram da minha igreja @comunhao_crista_resgate (é onde será) e se programem para dia 12!!! 💖 @SarahSheeva #CultoDasPrincesasEuVou #ResgateDaPrincesice #CoisasDeMulher #AutoEstima #Princesices #RestauraçãoCultural #ResgateDaCulturaDoReino #EuSouPrincesa #ForaCachorrada #NãoEmpurraPorcariaPraCimaDeMimNão #DeusÉBom #CultoDasPrincesas
Uma publicação compartilhada por Sarah Sheeva (@sarahsheeva) em







0 comentários:

Postar um comentário