terça-feira, 26 de junho de 2018


Rodrigo Duterte, de 73 anos, atual presidente das Filipinas, só vive causando polêmicas com suas declarações. A última polêmica criada por pelo presidente foi um ataque contra os católicos que está em grande número de fiéis da Ásia.

Em um discurso televisionado na última sexta-feira (22/6), Duterte questionou a história da criação do homem e perguntou por que Deus criou Adão e Eva apenas para permitir que eles sucumbissem à tentação que destruiu sua pureza.


"Quem é esse Deus estúpido? O filho da p... é então realmente estúpido. Como você pode racionalizar um Deus? Você acredita?", disse o presidente que está ficando muito conhecido no mundo por suas declarações desconexas.

"Você não esteve envolvido, mas agora você está manchado pelo pecado original... que tipo de religião é essa? Isso é o que eu não consigo aceitar, proposta muito estúpida", disse o presidente lamentando que o pecado de Adão e Eva na teologia cristã resultou em todos os crentes caindo da graça divina.

"A declaração de Duterte contra Deus e a Bíblia revela novamente que ele é uma aberração psicológica, um psicopata, uma mente anormal que não deveria ter sido eleita como presidente de nossa nação civilizada e cristã", disse de forma dura e imediata o bispo católico Arturo Bastes, reagindo contra o presidente.


O presidente também causou grande polêmica contra os católicos ao xingar o Papa Francisco, por ter provocado uma grande engarrafamento em Manila(capital do país), durante sua visita. Informações e fonte "Extra".






0 comentários:

Postar um comentário